Forneço ajuda em Java, C/C++, Python, C#, Delphi, VB.NET
+55 (062) 98553-6711
Forneço ajuda em PHP, Python, C#, Google Ads e SEO
+55 (062) 98243-1195

Você está aqui: Portugol ::: Desafios e Lista de Exercícios Resolvidos ::: Portugol Básico

Ler um número inteiro, separar seus dígitos e imprimí-los individualmente separados por espaços - Desafio de Programação Resolvido em Portugol

Quantidade de visualizações: 131 vezes
Pergunta/Tarefa:

Escreva um programa Portugol que leia um número inteiro de três dígitos, separe o valor em seus dígitos correspondentes e imprima-os individualmente separados por espaço. Por exemplo, se o usuário informar o valor 398, seu programa deverá exibir 3 9 8.

Veja a saída que deverá ser gerada (use apenas os operadores aritméticos para a realização desta tarefa):

Informe um valor inteiro de três dígitos: 398
Os dígitos separados são: 3 9 8
Resposta/Solução:

Veja a resolução comentada deste exercício usando Portugol Studio:

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

// Como separar um número em seus dígitos individuais
programa {
  funcao inicio() {
    // variáveis usadas na resolução do problema
    inteiro valor, primeiro, segundo, terceiro

    // vamos solicitar ao usuário que informe um valor inteiro
    // na faixa 100 a 999 (incluindo)
    escreva("Informe um valor inteiro de três dígitos: ")
    leia(valor)

    // vamos verificar se o valor está na faixa permitida
    se ((valor < 100) ou (valor > 999)) {
      escreva("Valor fora da faixa permitida")
    }
    senao {
      // vamos extrair os dígitos individualmente, da esquerda para a direita
      // vamos obter o primeiro dígito
      primeiro = inteiro(valor / 100)
      valor = valor % 100

      // vamos obter o segundo dígito
      segundo = inteiro(valor / 10)
      valor = valor % 10

      // vamos obter o terceiro valor
      terceiro = valor

      escreva("Resultado: ", primeiro, " ", segundo, " ", terceiro)
    }
  }
}


Link para compartilhar na Internet ou com seus amigos:

C++ ::: Dicas & Truques ::: Strings e Caracteres

Como adicionar caracteres ao final de uma string C++ usando a função push_back()

Quantidade de visualizações: 8898 vezes
A função push_back() do C++ é útil quando precisamos adicionar caracteres individuais ao final de uma string. Veja um exemplo:

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

#include <string>
#include <iostream>

using namespace std;

int main(int argc, char *argv[]){
  string str = "Gosto muito de PHP";
  string temp;

  // vamos percorrer os caracteres da primeira string
  // e adicioná-los na segunda um de cada vez
  for(int i = 0; i < str.length(); i++){
    temp.push_back(str[i]);
  }

  // exibe o resultado
  cout << temp << "\n\n";

  system("PAUSE"); // pausa o programa
  return EXIT_SUCCESS;
}

Ao executar este código C++ nós teremos o seguinte resultado:

Gosto muito de PHP

Note que usamos um laço for para percorrer individualmente todos os caracteres da primeira string e adicioná-los um de cada vez na segunda string. Veja uma variação deste código, no qual exibimos o conteúdo da primeira string invertido:

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

#include <string>
#include <iostream>

using namespace std;

int main(int argc, char *argv[])
{
  string str = "Gosto muito de PHP";
  string temp;

  // vamos percorrer os caracteres da primeira string
  // e adicioná-los na segunda um de cada vez.
  // desta vez vamos obter o resultado invertido
  for(int i = str.length() - 1; i >= 0; i--){
    temp.push_back(str[i]);
  }

  // exibe o resultado
  cout << "String original: " << str << endl;
  cout << "String invertida: " << temp << endl;;

  system("PAUSE"); // pausa o programa
  return EXIT_SUCCESS;
}

Ao executar este novo código C++ nós teremos o seguinte resultado:

String original: Gosto muito de PHP
String invertida: PHP ed otium otsoG


C++ ::: Fundamentos da Linguagem ::: Tipos de Dados

Apostila C++ para iniciantes - Como usar o tipo de dados short ou short int da linguagem C++

Quantidade de visualizações: 13363 vezes
O tipo de dados short (também chamado de short int) da linguagem C++ é uma variação do tipo int e geralmente possui a metade da capacidade de armazenamento deste. Nós o usamos quando queremos representar números inteiros, ou seja, sem partes fracionárias, que não sejam grandes o suficiente para exigir variáveis do tipo int. Veja um trecho de código demonstrando seu uso (note que estes estudos foram feitos no Windows XP - 32 bits - usando Dev-C++):

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

#include <iostream>

using namespace std;

int main(int argc, char *argv[]){
  // declara uma variável do tipo short
  short idade = 45;

  cout << "A idade é: " << idade << "\n\n";

  system("PAUSE"); // pausa o programa
  return EXIT_SUCCESS;
}

Veja que a maioria dos compiladores C++ não faz distinção entre os tipos short e short int. A capacidade de armazenamento do tipo short depende da arquitetura na qual o programa está sendo executado. Uma forma muito comum de descobrir esta capacidade é usar os símbolos SHRT_MIN e SHRT_MAX, definidos no header climits (limits.h). Veja:

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

#include <iostream>

using namespace std;

int main(int argc, char *argv[]){
  cout << "Valor mínimo: " << SHRT_MIN << "\n";
  cout << "Valor máximo: " << SHRT_MAX << "\n\n";

  system("PAUSE"); // pausa o programa
  return EXIT_SUCCESS;
}

Ao executar este programa você terá um resultado parecido com:

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

Valor mínimo: -32768
Valor máximo: 32767

Veja que o tipo short aceita valores positivos e negativos. Tudo que você tem a fazer é tomar todo o cuidado para que os valores atribuidos a variáveis deste tipo não ultrapassem a faixa permitida. Veja um trecho de código que provoca o que chamamos de transbordamento (overflow):

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

#include <iostream>

using namespace std;

int main(int argc, char *argv[]){
  short soma = SHRT_MAX + 2;

  cout << "Resultado: " << soma << "\n";

  system("PAUSE"); // pausa o programa
  return EXIT_SUCCESS;
}	

Este programa exibirá o seguinte resultado:

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

Resultado: -32767

Note que este não é o resultado esperado, visto que SHRT_MAX + 2 deveria retornar:

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

32767 + 2 = 32769

Porém, como o valor máximo que pode ser armazenado em um short é 32767, o procedimento adotado pelo compilador foi tornar o número negativo e subtrair 1. É claro que, se você testar este código em arquiteturas diferentes o resultado poderá ser diferente do exemplificado aqui.

Em termos de bytes, é comum o tipo short ser armazenado em 2 bytes, o que resulta em 16 bits (um byte é formado por 8 bits, lembra?). Veja um trecho de código que mostra como usar o operador sizeof() para determinar a quantidade de bytes necessários para armazenar um variável do tipo short:

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

#include <iostream>

using namespace std;

int main(int argc, char *argv[]){
  cout << "Tamanho de um short: " << sizeof(short)
    << " bytes\n\n";

  system("PAUSE"); // pausa o programa
  return EXIT_SUCCESS;
}

O resultado da execução deste código será algo como:

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

Tamanho de um short: 2 bytes



C ::: Dicas & Truques ::: Arrays e Matrix (Vetores e Matrizes)

Tenha cuidado com os limites dos índices de um vetor ou matriz na linguagem C

Quantidade de visualizações: 9574 vezes
Um erro muito comum em programas C ocorre quando não atentamos para os limites dos índices de um vetor ou matriz. Como sabemos, os índices iniciam em 0 e vão até o tamanho do vetor menos 1. Porém, ao contrário de outras linguagens, o C (compiladores sendo usados em 2007 e 2008) não evita que este limite seja ultrapassado. O resultado disso é que o programa acaba lendo posições de memória inexistentes ou pertecentes a outros programas.

Veja um trecho de código no qual acessamos uma posição inválida no vetor valores. Este código foi testado no MinGW 3.4.2 e compilou e executou sem qualquer mensagem de advertência.

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

#include <stdio.h>
#include <stdlib.h>
 
int main(int argc, char *argv[])
{
  // array com 5 inteiros
  int valores[] = {23, 6, 45, 9, 3};
 
  // acessa um índice além dos limites do array
  // lembre-se de que os índices iniciam em 0
  int valor = valores[5];
 
  // exibe o resultado
  printf("%d\n\n", valor);
 
  system("PAUSE");
  return 0;
}

Ao executar este código nós teremos o seguinte resultado (o seu vai ser diferente, é claro):

-858993460

Minha recomendação é: se você quer mesmo programar na linguagem C, crie uma forma de impedir o acesso à índices inválidos. Se isso acontecer, os resultados exibidos pelos seus programas poderão ser realmente inesperados.


Python ::: Fundamentos da Linguagem ::: Estruturas de Controle

Como testar condições em Python usando a estrutura condicional if...elif...else (se, senão se, senão)

Quantidade de visualizações: 9558 vezes
A instrução condicional if (se) é usada para verificar uma condição na linguagem Python. Se esta condição for verdadeira, um bloco de códigos é executado. Opcionalmente um bloco de códigos pode também ser executado caso a condição seja falsa.

Veja um exemplo:

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

def main():
  numero = 10
  valor = int(input("Informe um inteiro: "))
 
  if valor == numero:
    print("Parabéns, você acertou de primeira")
    print("Já tentou a Megasena?")
  elif valor < numero:
    print("Tente um número maior")
  else:
    print("Tente um número menor")
 
if __name__== "__main__":
  main()

Ao executar este código nós teremos o seguinte resultado:

Informe um inteiro: 3
Tente um número maior

Observe que as instruções a serem executadas em um bloco são agrupadas por indentação.


Python ::: Dicas & Truques ::: Strings e Caracteres

Apostila Python - Como verificar se uma string contém apenas números (dígitos)

Quantidade de visualizações: 18526 vezes
Este exemplo mostra como como usar a função isdigit() para verificar se uma string contém apenas números. Se alguma letra ou caractere especial estiver contido, a função retorna False.

Veja o código Python completo:

----------------------------------------------------------------------
Se precisar de ajuda com o código abaixo, pode me chamar
no WhatsApp +55 (62) 98553-6711 (Osmar)
----------------------------------------------------------------------

def main():
  string = "49380"
 
  if string.isdigit():
    print("A string contém apenas números")
  else:
    print("A string não contém somente números")
 
if __name__== "__main__":
  main()

Ao executarmos este código nós teremos o seguinte resultado:

A string contém apenas números


Desafios, Exercícios e Algoritmos Resolvidos de Python

Veja mais Dicas e truques de Python

Dicas e truques de outras linguagens

Códigos Fonte

Programa de Gestão Financeira Controle de Contas a Pagar e a Receber com Cadastro de Clientes e FornecedoresSoftware de Gestão Financeira com código fonte em PHP, MySQL, Bootstrap, jQuery - Inclui cadastro de clientes, fornecedores e ticket de atendimento
Diga adeus às planilhas do Excel e tenha 100% de controle sobre suas contas a pagar e a receber, gestão de receitas e despesas, cadastro de clientes e fornecedores com fotos e histórico de atendimentos. Código fonte completo e funcional, com instruções para instalação e configuração do banco de dados MySQL. Fácil de modificar e adicionar novas funcionalidades. Clique aqui e saiba mais
Controle de Estoque completo com código fonte em PHP, MySQL, Bootstrap, jQuery - 100% funcional e fácil de modificar e implementar novas funcionalidadesControle de Estoque completo com código fonte em PHP, MySQL, Bootstrap, jQuery - 100% funcional e fácil de modificar e implementar novas funcionalidades
Tenha o seu próprio sistema de controle de estoque web. com cadastro de produtos, categorias, fornecedores, entradas e saídas de produtos, com relatórios por data, margem de lucro e muito mais. Código simples e fácil de modificar. Acompanha instruções para instalação e criação do banco de dados MySQL. Clique aqui e saiba mais

Linguagens Mais Populares

1º lugar: Java
2º lugar: Python
3º lugar: C#
4º lugar: PHP
5º lugar: Delphi
6º lugar: C
7º lugar: JavaScript
8º lugar: C++
9º lugar: VB.NET
10º lugar: Ruby



© 2024 Arquivo de Códigos - Todos os direitos reservados
Neste momento há 72 usuários muito felizes estudando em nosso site.