Você está aqui: Java ::: Desafios e Lista de Exercícios Resolvidos ::: Arquivos e Diretórios

Como ler o conteúdo de um arquivo texto e armazená-lo em uma variável string usando Java - Desafio de Programação Resolvido em Java

Quantidade de visualizações: 593 vezes
Pergunta/Tarefa:

Escreva um programa Java que solicita ao usuário o caminho e nome de um arquivo texto. Em seguida seu código deverá abrir o arquivo, ler todo o seu conteúdo (pode ser uma linha de cada vez) e guardá-lo em uma variável do tipo string. Para finalizar, exiba o conteúdo desta variável.

Sua saída deverá ser parecida com:

Informe o caminho e nome do arquivo: C:\estudos_java\conteudo.txt
Esta é a primeira linha de texto
Esta é a segunda linha de texto
Resposta/Solução:

Veja a resolução comentada deste exercício usando Java:

package estudos;

import java.io.BufferedReader;
import java.io.FileNotFoundException;
import java.io.FileReader;
import java.io.IOException;
import java.util.Scanner;

public class Estudos{
  public static void main(String[] args){
    // para ler as linhas individuais
    String linha = "";
    // para guardar o texto todo
    String resultado = "";
    
    // vamos pedir para o usuário informar o nome e caminho do arquivo
    Scanner entrada = new Scanner(System.in);
    System.out.print("Informe o caminho e nome do arquivo: ");
    String nomeArquivo = entrada.nextLine();
    
    try {
      BufferedReader arquivo = new BufferedReader(new FileReader(nomeArquivo));
......


Link para compartilhar na Internet ou com seus amigos:

MySQL ::: Dicas & Truques ::: Chaves, Índices e Restrições de Integridade Referencial

Como adicionar uma chave primária a uma tabela MySQL usando o comando ALTER TABLE ADD PRIMARY KEY

Quantidade de visualizações: 7690 vezes
Em algumas situações poderá ocorrer a necessidade, talvez por motivos de manutenção na base de dados, de criar uma chave primária para uma tabela MySQL já existente. Isso pode ser feito com o auxílio do comando DDL ALTER TABLE ADD PRIMARY KEY.

Comece criando uma tabela livros sem chave primária. Veja o comando CREATE TABLE:

CREATE TABLE livros(
  id int(11) unsigned NOT NULL,
  titulo varchar(45) NOT NULL,
......


Se dispararmos um comando DESCRIBE livros veremos a seguinte estrutura:

Field     Type               Null     Key    Default   Extra    
id        int(11) unsigned   NO       -      -         -      
titulo    varchar(45)        NO       -      -         -      
paginas   int(10) unsigned   NO       -      -         -
Como podemos ver, a tabela livros realmente não possui uma chave primária. Sendo assim, vamos usar o comando ALTER TABLE ADD PRIMARY KEY para adicionar uma chave primária ao campo id. Veja:

ALTER TABLE livros ADD PRIMARY KEY(id);
......


Dispare o comando DESCRIBE livros novamente e veja o resultado. Agora o campo id está marcado como chave primária:

Field     Type               Null     Key    Default   Extra    
id        int(11) unsigned   NO       PRI    -         -      
titulo    varchar(45)        NO       -      -         -      
paginas   int(10) unsigned   NO       -      -         -



Delphi ::: VCL - Visual Component Library ::: TStringGrid

Como usar o controle TStringGrid em suas aplicações Delphi - O componente TStringGrid do Delphi

Quantidade de visualizações: 18746 vezes
Um objeto da classe TStringGrid representa um controle de grid que pode ser usado em suas aplicações Delphi para simplificar o processo de se lidar com strings e objetos associados a esta. Veja a posição desta classe na hierarquia de classes do Delphi:

System.TObject
  Classes.TPersistent
    Classes.TComponent
      Controls.TControl
        Controls.TWinControl
          Controls.TCustomControl
            Grids.TCustomGrid
              Grids.TCustomDrawGrid
                Grids.TDrawGrid
                  Grids.TStringGrid


Esta classe implementa também as interfaces IInterfaceComponentReference e IInterface.

O uso mais frequente de um controle TStringGrid é quando queremos apresentar um conteúdo texto em um formato tabular. Este controle fornece muitas propriedades para controlar a aparência da grid, assim como eventos e métodos que tiram vantagem da organização tabular da grid ao responder às ações do usuário.

Para adicionar um controle TStringGrid ao seu formulário você só precisa acessar a aba Additional no Tool Palette, clicar no controle e arrastá-lo para a posição desejada no formulário. Por padrão, um controle TStringGrid contém 5 linhas e 5 colunas. Novas linhas e novas colunas podem ser adicionadas por meio das propriedades RowCount e ColCount da classe TCustomGrid.

Cada célula da grid pode ter seu valor definido ou acessado usando-se a propriedade Cells. Veja um trecho de código no qual definimos o conteúdo da célula situada na segunda linha da primeira coluna do TStringGrid:

procedure TForm1.Button1Click(Sender: TObject);
begin
  // vamos definir o conteúdo da célula na segunda linha
......


Um controle TStringGrid introduz a possibilidade de associar um objeto com cada string na grid. Estes objetos podem encapsular quaisquer informações ou comportamento representado pelas strings apresentadas ao usuário.

Se as strings a serem apresentadas na grid representarem valores de campos dos registros de um conjunto de dados (dataset), devemos usar um TDBGrid em vez de um TStringGrid.


Python ::: Dicas & Truques ::: Arrays e Matrix (Vetores e Matrizes)

Como testar de uma matriz é uma matriz identidade usando Python

Quantidade de visualizações: 967 vezes
Seja M uma matriz quadrada de ordem n. A matriz M é chamada de Matriz Identidade de ordem n (indicada por In) quando os elementos da diagonal principal são todos iguais a 1 e os elementos restantes são iguais a zero.

Para melhor entendimento, veja a imagem de uma matriz identidade de ordem 3, ou seja, três linhas e três colunas:



Veja um código Python completo no qual nós declaramos uma matriz quadrada de ordem 3, pedimos para o usuário informar os valores de seus elementos e no final informamos se a matriz é uma matriz identidade ou não:

# método principal
def main():
  n = 3; # ordem da matriz quadrada
  matriz = [[0 for x in range(n)] for y in range(n)] # matriz quadrada
  identidade = True

  # vamos pedir para o usuário informar os elementos da matriz
  for i in range(n):
    for j in range(n):
      matriz[i][j] = int(input("Elemento na linha {0} e coluna {0}: ".format(
        (i + 1), (j + 1))))
  
  # agora verificamos se a matriz é uma matriz identidade
  for linha in range(n):
    for coluna in range(n):
......


Ao executar este código Python nós teremos o seguinte resultado:

Elemento na linha 1 e coluna 1: 1
Elemento na linha 1 e coluna 2: 0
Elemento na linha 1 e coluna 3: 0
Elemento na linha 2 e coluna 1: 0
Elemento na linha 2 e coluna 2: 1
Elemento na linha 2 e coluna 3: 0
Elemento na linha 3 e coluna 1: 0
Elemento na linha 3 e coluna 2: 0
Elemento na linha 3 e coluna 3: 1

1 0 0 
0 1 0 
0 0 1 

A matriz informada é uma matriz identidade.



C# ::: Dicas & Truques ::: Programação Orientada a Objetos

Como criar sua primeira classe em C# - Programação Orientada a Objetos em C#

Quantidade de visualizações: 34563 vezes
O estudo da programação orientada a objeto em C# passa obrigatoriamente pela criação de sua primeira classe. E esta não é uma tarefa fácil para os iniciantes. Esta dica o guiará passo-a-passo pelas caminhos iniciais.

Esta dica assume que você já sabe criar uma aplicação console ou Windows Forms no Visual C# 2005 ou 2008. Sendo assim, crie uma nova aplicação console e vamos criar o esqueleto da classe. Em Visual C# 2005 ou 2008, a forma mais comum de adicionar uma classe ao seu projeto é clicando com o botão direito no namespace do projeto (o primeiro filho do solution explorer) e escolhendo a opção Add -> Class. Em seguida dê o nome "Pessoa.cs" para a classe e clique o botão Add. Imediatamente o código inicial para a classe será exibido, contendo o namespace e alguns using padrões. Agora faça sua classe Pessoa parecida com o código abaixo (não altere nada em relação ao namespace):

class Pessoa{
  // varíáveis privadas para o nome
  // e idade da pessoa
  private string nome;
  private int idade;

  // método que permite definir o nome
  // da pessoa
  public void setNome(string nome){
    this.nome = nome;
  }

  // método que permite definir a idade
  // da pessoa
......


Hora de testar a classe. Volte à classe principal da aplicação (aquela que contém o método Main) e faça as seguintes alterações:

static void Main(string[] args){
  // Cria uma instância da classe Pessoa
  Pessoa p = new Pessoa();

  // Define um nome e idade para a pessoa
  p.setNome("Osmar J. Silva");
  p.setIdade(37);

  // Obtém o nome e idade da pessoa
......


Funcionou? Agora tente refazer todo o processo, desta vez usando Windows Forms.


GNU Octave ::: Dicas & Truques ::: Trigonometria - Funções Trigonométricas

Como converter graus em radianos usando a função deg2rad() do GNU Octave - GNU Octave para Geometria Analítica e Álgebra Linear

Quantidade de visualizações: 1340 vezes
Quer aprender como calcular radianos ou como converter graus em radianos? Veja a fórmula nessa dica.

Quando estamos trabalhando com trigonometria no software GNU Octave, é importante ficarmos atentos ao fato de que todos os métodos e funções trigonométricas nessa linguagem recebem seus argumentos em radianos, em vez de graus.

Nesta dica veremos como converter graus em radianos (sem a chatice de ficar relembrando regra de três). Veja a fórmula abaixo:

\[Radianos = Graus \times \frac{\pi}{180}\]

Agora veja como esta fórmula pode ser escrita no GNU Octave. Primeiro vamos usar a fórmula dada e depois veremos a função deg2rad(). Assim, digite a expressão a seguir na janela de comandos do GNU Octave:

>> 30 * (pi / 180) [Enter]
......


Agora veja como podemos obter o mesmo resultado usando a função deg2rad():

>> deg2rad(30) [Enter]
......


Finalmente, veja como usar esta função em um script do GNU Octave:

graus = input("Informe o ângulo em graus: ");
radianos = deg2rad(graus);
......


Execute este script e teremos o seguinte resultado na janela de comandos:

Informe o ângulo em graus: 30 [Enter]
O ângulo em radianos é 0.523599
>>


Veja mais Dicas e truques de GNU Octave

Dicas e truques de outras linguagens

Códigos Fonte

Programa de Gestão Financeira Controle de Contas a Pagar e a Receber com Cadastro de Clientes e FornecedoresSoftware de Gestão Financeira com código fonte em PHP, MySQL, Bootstrap, jQuery - Inclui cadastro de clientes, fornecedores e ticket de atendimento
Diga adeus às planilhas do Excel e tenha 100% de controle sobre suas contas a pagar e a receber, gestão de receitas e despesas, cadastro de clientes e fornecedores com fotos e histórico de atendimentos. Código fonte completo e funcional, com instruções para instalação e configuração do banco de dados MySQL. Fácil de modificar e adicionar novas funcionalidades. Clique aqui e saiba mais
Controle de Estoque completo com código fonte em PHP, MySQL, Bootstrap, jQuery - 100% funcional e fácil de modificar e implementar novas funcionalidadesControle de Estoque completo com código fonte em PHP, MySQL, Bootstrap, jQuery - 100% funcional e fácil de modificar e implementar novas funcionalidades
Tenha o seu próprio sistema de controle de estoque web. com cadastro de produtos, categorias, fornecedores, entradas e saídas de produtos, com relatórios por data, margem de lucro e muito mais. Código simples e fácil de modificar. Acompanha instruções para instalação e criação do banco de dados MySQL. Clique aqui e saiba mais

Linguagens Mais Populares

1º lugar: Java
2º lugar: Python
3º lugar: C#
4º lugar: PHP
5º lugar: Delphi
6º lugar: C
7º lugar: JavaScript
8º lugar: C++
9º lugar: VB.NET
10º lugar: Ruby



© 2024 Arquivo de Códigos - Todos os direitos reservados
Neste momento há 22 usuários muito felizes estudando em nosso site.