Você está aqui: Python ::: Dicas de Estudo e Anotações ::: Variáveis e Constantes

Regras para a escolha de nomes de variáveis, nomes de funções, classes e outros identificadores em Python

Quantidade de visualizações: 74 vezes
Quando estamos começando a desenvolver em Python, devemos estar atentos às regras de escolha de nomes de variáveis, nomes de funções, nomes de classes e outros identificadores, pois tais regras são impostas pela linguagem e, em muitos casos, adotadas por várias empresas.

Dessa forma, seguir as regras da linguagem é, não somente aderir aos formatos da especificação, mas também, já ir se acostumando com as boas práticas de programação em Python.

As regras para a escolha de nomes de variáveis, funções, nomes de classes, etc, em Python são:

a) Um identificador deve começar com as letras de A à Z, ou de a à z, ou um underline (_) seguido por zero ou mais letras, underlines ou dígitos (0 até 9).

b) A linguagem Python não permite caracteres especiais nos nomes de identificadores.

c) Um identificador Python não pode ser uma palavra-chave ou palavra reservada da linguagem.

d) A linguagem Python diferencia letras maiúsculas de minúsculas.

e) Nomes de classes em Python devem começar com uma letra maiúscula. Uma classe representando uma entidade cliente deve ser chamar Cliente. Se o nome da entidade for composta de mais de uma palavra, devemos usar BoletoBase, por exemplo. Todos os demais identificadores (que não sejam nomes de classes) começam com letras minúsculas.

f) Iniciar um identificador com um caractere de underline significa que o identificador é privado (private).

g) Iniciar um identificador com dois caracteres de underline reforça o caráter privado (private) do identificador.

h) Se o identificador começar e terminar com dois caracteres de underline, isso implica que o identificador é um nome especial definido pela linguagem.


Python ::: Dicas & Truques ::: Data e Hora

Como formatar a data e hora atual usando o método strftime() da classe datetime da linguagem Python

Quantidade de visualizações: 8390 vezes
Nesta dica eu vou mostrar como é possível usar o método strftime() da classe datetime para formatar e mostrar a data e hora atual no Python.

Veja o código completo para o exemplo:

from datetime import datetime
import locale

def main():
  # Configurações do usuário
  locale.setlocale(locale.LC_ALL, '')
 
  # Obtém um datetime da data e hora atual
  hoje = datetime.today()
 
  # Exibe a data atual formatada
  data = hoje.strftime("Hoje é %A, %d de %B de %Y")
  print(data)
 
if __name__== "__main__":
  main()

Ao executar este código nós teremos o seguinte resultado:

Hoje é segunda-feira, 08 de março de 2019


Python ::: Dicas & Truques ::: Data e Hora

Python para iniciantes - Como obter o ano com quatro dígitos usando Python

Quantidade de visualizações: 5666 vezes
Em algumas situações nós precisamos obter apenas o ano de uma determinada data, e com quatro dígitos. Para isso só precisamos passar o indicador "%Y" para a função strftime() da linguagem Python.

Veja o exemplo completo:

from datetime import datetime

# função principal do programa
def main():
  # Obtém um datetime da data e hora atual
  hoje = datetime.today()
 
  # Exibe o ano com quatro dígitos
  print(hoje.strftime("O ano é: %Y"))
  
if __name__== "__main__":
  main()

Ao executarmos este código nós teremos o seguinte resultado:

O ano é: 2021


Python ::: Dicas & Truques ::: Data e Hora

Como obter um datetime da data e hora atual usando o método today() da classe datetime da linguagem Python

Quantidade de visualizações: 8987 vezes
Neste exemplo mostrarei como podemos usar o método today() da classe datetime do Python para retornar a data e hora local.

Veja o código completo:

from datetime import datetime

def main():
  # Obtém um datetime da data e hora atual
  hoje = datetime.today()
 
  # Exibe o conteúdo do datetime
  print("Hoje é: " + str(hoje))
 
if __name__== "__main__":
  main()

Ao executar este código nós teremos o seguinte resultado:

Hoje é: 2018-03-03 15:54:01.477809


Python ::: Fundamentos da Linguagem ::: Estruturas de Controle

Apostila Python para iniciantes - Como exibir os números pares de 0 a 20 usando o laço for da linguagem Python

Quantidade de visualizações: 11531 vezes
Nesta dica mostrarei como podemos usar o laço for da linguagem Python para exibir os números pares de 0 a 20. Note que usaremos os parâmetros start (valor inicial da variável de controle), stop (valor final da variável de controle, não incluído) e step (que especifica o valor de incremento da variável de controle.

Veja o código completo para o exemplo:

# função principal do programa
def main():
  for i in range(0, 21, 2):
    print(i, end = "  ")

if __name__== "__main__":
  main()

Ao executar este código nós teremos o seguinte resultado:

0 2 4 6 8 10 12 14 16 18 20


Python ::: Fundamentos da Linguagem ::: Estruturas de Controle

Como usar o laço for (loop for) da linguagem Python

Quantidade de visualizações: 11289 vezes
O laço for (laço para) em Python é um pouco diferente daquele encontrado em Java, C ou C++. Na verdade, o laço for da Python está mais para o laço foreach do C# e o novo laço for do Java 1.5.

Em Python, o laço for funciona com sequencias (range), ou seja, a cada iteração do laço, um elemento da sequencia é retornado. Vamos ver isso mais de perto. Veja o exemplo a seguir:

def main():
  for i in range(1, 11):
    print(i)   
 
if __name__== "__main__":
  main()

Este trecho de código exibirá os números de 1 até 10. Veja que o último limite não é incluído na contagem. Este exemplo pode também ser escrito assim:

def main():
  for i in [1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10]:
    print(i)   
 
if __name__== "__main__":
  main()



Veja mais Dicas e truques de Python

Dicas e truques de outras linguagens

Quem Somos

Osmar J. Silva
WhatsApp +55 (062) 98553-6711

Goiânia-GO
Full Stack Developer, Professional Java Developer, PHP, C/C++, Python Programmer, wxWidgets Professional C++ Programmer, Freelance Programmer. Formado em Ciência da Computação pela UNIP (Universidade Paulista Campus Goiânia) e cursando Engenharia Elétrica pela PUC-Goiás. Possuo conhecimentos avançados de Java, Python, JavaScript, C, C++, PHP, C#, VB.NET, Delphi, Android, Perl, e várias tecnologias que envolvem o desenvolvimento web, desktop, front-end e back-end. Atuo há mais de 15 anos como programador freelancer, atendendo clientes no Brasil, Portugal, Argentina e vários outros paises.
Entre em contato comigo para, juntos, vermos em que posso contribuir para resolver ou agilizar o desenvolvimento de seus códigos.
José de Angelis
WhatsApp +55 (062) 98243-1195

Goiânia-GO
Formado em Sistemas de Informação pela Faculdade Delta, Pós graduado em Engenharia de Software (PUC MINAS), Pós graduado Marketing Digital (IGTI) com ênfase em Growth Hacking. Mais de 15 anos de experiência em programação Web. Marketing Digital focado em desempenho, desenvolvimento de estratégia competitiva, analise de concorrência, SEO, webvitals, e Adwords, Métricas de retorno. Especialista Google Certificado desde 2011 Possui domínio nas linguagens PHP, C#, JavaScript, MySQL e frameworks Laravel, jQuery, flutter. Atualmente aluno de mestrado em Ciência da Computação (UFG)
Não basta ter um site. É necessário ter um site que é localizado e converte usuários em clientes. Se sua página não faz isso, Fale comigo e vamos fazer uma analise e conseguir resultados mais satisfatórios..

Linguagens Mais Populares

1º lugar: Java
2º lugar: C#
3º lugar: PHP
4º lugar: Delphi
5º lugar: Python
6º lugar: JavaScript
7º lugar: C
8º lugar: C++
9º lugar: VB.NET
10º lugar: JSP (Java Server Pages)



© 2021 Arquivo de Códigos - Todos os direitos reservados | Versión en Español | Versão em Português