Você está aqui: Delphi ::: Dicas & Truques ::: Arquivos e Diretórios

Obtendo o tamanho de um arquivo em bytes, KB, MB ou GB

Quantidade de visualizações: 20077 vezes
Em algumas situações precisamos obter o tamanho de um arquivo em bytes e, se necessário, converter este valor em bytes para KB, MB ou GB. Esta dica mostra como isso pode ser feito. Aqui nós temos duas funções. A função TamanhoArquivoBytes() recebe o caminho e nome de um arquivo e retorna seu tamanho em bytes. Já a função TamanhoArquivoFormatado() recebe um valor em bytes e devolve uma string formatada.

Veja o exemplo completo:

// permite formatar o tamanho de um arquivo em bytes em
// Kb, Mb ou Gb
function TamanhoArquivoFormatado(const bytes: Longint): string;
const
  b = 1; // byte
  kb = 1024 * b; // kilobyte
  mb = 1024 * kb; // megabyte
  gb = 1024 * mb; // gigabyte
begin
  if bytes > gb then
    Result := FormatFloat('#.## GB', bytes / gb)
  else if bytes > mb then
    Result := FormatFloat('#.## MB', bytes / mb)
  else if bytes > kb then
    Result := FormatFloat('#.## KB', bytes / kb)
  else
    Result := FormatFloat('#.## bytes', bytes);
end;

// função que permite obter o tamanho de um arquivo em bytes
function TamanhoArquivoBytes(arquivo: string): Int64;
var
  search_rec: TSearchRec;
begin
  if FindFirst(arquivo, faAnyFile, search_rec) = 0 then
    Result := Int64(search_rec.FindData.nFileSizeHigh) shl Int64(32)
      + Int64(search_rec.FindData.nFileSizeLow)
  else
    Result := -1;

  FindClose(search_rec);
end;

procedure TForm1.Button1Click(Sender: TObject);
var
  arquivo: string;
begin
  // nome do arquivo que queremos obter o tamanho
  arquivo := 'C:\estudos_delphi\programa_vcl\arquivo.txt';

  // exibe o resultado
  ShowMessage('O tamanho do arquivo é: ' +
    TamanhoArquivoFormatado(TamanhoArquivoBytes(arquivo)));
end;

Note que aqui nós usamos o campo FindData da estrutura TSearchRec. Este campo contém informações adicionais sobre um arquivo, tais como a data e hora de criação do arquivo, data e hora do último acesso, etc. Porém, este campo é específico à plataforma Windows, o que pode resultar em um warning do tipo:

[DCC Warning] Unit1.pas(54): W1002 Symbol 'FindData' is specific 
to a platform

Para fins de compatibilidade, esta dica foi escrita usando Delphi 2009.


Delphi ::: VCL - Visual Component Library ::: TComboBox

Como usar a propriedade Count da coleção Items para obter a quantidade de itens em um TComboBox em Delphi

Quantidade de visualizações: 10644 vezes
Em algumas situações precisamos obter a quantidade de itens em um ComboBox. Para isso podemos usar a propriedade Count da coleção Items (um objeto da classe TStrings e que representa os itens do combo box). Esta propriedade retorna um valor inteiro.

Veja como podemos obter a quantidade de elementos em um ComboBox ao clicarmos em um botão:

procedure TForm3.Button1Click(Sender: TObject);
begin
  // vamos adicionar alguns itens ao ComboBox
  ComboBox1.Items.Add('Java');
  ComboBox1.Items.Add('C++');
  ComboBox1.Items.Add('Python');

  // vamos obter a quantidade de itens no ComboBox
  ShowMessage('O ComboBox possui '  + IntToStr(ComboBox1.Items.Count) +
    ' itens.');
end;

Ao executar este código teremos uma mensagem com o texto:

O ComboBox possui 3 itens.


Delphi ::: VCL - Visual Component Library ::: TListBox

Como usar o controle TListBox em suas aplicações Delphi

Quantidade de visualizações: 11939 vezes
Objetos da classe TListBox, da unit StdCtrls, são controles do tipo lista de seleção. Este componente exibe uma lista com barras de rolagem contendo items que podem ser selecionados, adicionados ou excluídos. A classe TListBox é um wrapper (invólucro) para o controle LISTBOX da plataforma Windows. Em controles do tipo ListBox o usuário pode selecionar apenas um ítem ou vários itens de uma vez.

Em Delphi, a classe TListBox implementa o comportamento genérico definido em TCustomListBox. É esta classe que devemos usar para derivar nossa própria ListBox caso o controle TListBox não satisfaça as nossas necessidades. É claro que podemos partir de qualquer classe que herde de TCustomListBox.

A forma mais comum de adicionarmos um controle TListBox em nossos formulários é selecionando este componente na aba Standard e arrastando-o para a posição desejada na janela. Em seguida podemos adicionar itens na lista acessando sua propriedade Items, que são do tipo TStrings, ou seja, uma lista de strings. Ao clicarmos na propriedade Items no Object Inspector, um String List Editor será exibido. Basta inserir algumas strings nesta caixa de texto, pressionar o botão OK e verificar como o controle já exibe os itens que acabamos de inserir.

Em tempo de execução, itens podem ser adicionados à uma TListBox usando códigos parecidos com:

procedure TForm1.Button1Click(Sender: TObject);
begin
  // vamos inserir um novo item na TListBox
  ListBox1.Items.Add('Osmar J. Silva');
end;

Se precisarmos obter o texto do ítem selecionado em uma TListBox, podemos usar:

procedure TForm1.Button1Click(Sender: TObject);
begin
  // vamos obter o texto do item selecionado na TListBox
  ShowMessage(ListBox1.Items[ListBox1.ItemIndex]);
end;

Para fins de compatibilidade, esta dica foi escrita usando Delphi 2009.


Delphi ::: Data Controls (Controles de Dados) ::: TDBGrid

Como obter o índice da linha da célula atual em um TDBGrid do Delphi

Quantidade de visualizações: 7946 vezes
Como obter o índice da linha da célula atual (com foco) em um TDBGrid do Delphi

Em algumas situações precisamos obter o índice da linha da célula atual, ou seja, a célula que detém o foco no momento em um TDBGrid. Isso pode ser feito por meio da propriedade Row da classe TCustomGrid (e publicada na classe TStringGrid). Como esta propriedade não está publicada na classe TDBGrid (Delphi 2009), o que fazemos é um casting para a classe TStringGrid.

Veja um trecho de código no qual usamos o evento Click de um botão para informar o índice da linha da célula atual:

procedure TForm3.Button3Click(Sender: TObject);
var
  indice: Integer;
begin
  // vamos obter o índice da linha da célula atual
  indice := TStringGrid(DBGrid1).Row;
  ShowMessage('O índice da linha da célula atual é: ' +
    IntToStr(indice));
end;

Execute o código e clique no botão. Você verá uma mensagem parecida com:

"O índice da linha da célula atual é: 4".

Lembre-se de que o índice da linha fixa do DBGrid é 0.

Esta dica foi escrita e testada no Delphi 2009.


Delphi ::: Data Access Controls (Controles de Acesso a Dados) ::: TClientDataSet

Como usar o componente TClientDataSet do Delphi em suas aplicações de banco de dados

Quantidade de visualizações: 12448 vezes
Um objeto da classe TClientDataSet implementa um conjunto de dados independente de banco de dados. Este controle representa um conjunto de dados em memória (in-memory).

Antes de prosseguirmos, veja a posição desta classe na hierarquia de classes do Delphi:

System.TObject
  Classes.TPersistent
    Classes.TComponent
      DB.TDataSet
        DBClient.TCustomClientDataSet
          DBClient.TClientDataSet
Por descendência, a classe TClientDataSet implementa as interfaces Classes.IInterfaceComponentReference, System.IInterface e DB.IProviderSupport.

Um controle TClientDataSet pode ser usado das seguintes formas:

a) Um conjunto de dados baseado em arquivo, único e totalmente funcional direcionado a aplicações compostas de apenas uma camada. Quando usado desta forma, o client dataset representa os dados armazenados em um arquivo dedicado na máquina do usuário.

b) Um buffer em memória local dos registros de um outro conjunto de dados. O outro conjunto de dados (a fonte dos dados) pode residir no mesmo formulário ou data module que o client dataset (por exemplo, quando o client dataset fornece navegação e edição para os dados de um conjunto de dados unidirecional). O conjunto de dados fonte pode também residir em um sistema separado quando o client dataset apoia a parte cliente de uma aplicação de bancos de dados de múltiplas camadas.

A forma mais comum de se usar um controle TClientDataSet é acessando a aba Data Acccess da Tool Palette (Paleta de Ferramentas) e arrastando-o para o seu formulário. Em seguida ajustamos algumas de suas propriedades em tempo de design e pronto. Veja o passo-a-passo para configurar um TClientDataSet para representar uma tabela no banco de dados MySQL (outras dicas minhas mostram como efetuar a conexão com outros bancos de dados):

1) Certifique-se de que o banco de dados MySQL está devidamente configurado e funcionando. Inicie-o, anote o nome de usuário e senha e vamos começar.

2) Vá até a aba de componentes dbExpress e arraste um componente TSQLConnection para o formulário. Este é o componente responsável pela conexão com o banco de dados. Selecione o componente no formulário de forma a acessar suas propriedades no Object Inspector. Em seguida siga atentamente as observações a seguir:

a) Vá na propriedade ConnectioName e selecione MySQLConnection. Automaticamente a propriedade Driver é definida como MySQL. A propriedade LibrayName será definida como dbxmys.dll. O mesmo acontece com a propriedade VendorLib, que é definida como libmysql.dll. dbxmys.dll é fornecida com o Delphi enquanto libmysql.dll vem com a instalação do MySQL e deverá estar em C:\Windows\System para que sua aplicação seja executada com sucesso.

b) O simples fato de definirmos o valor MySQL para a propriedade ConnectionName faz com que os parâmetros de conexão sejam criados com os valores padrões e guardados na propriedade Params. O próximo passo é alterar estes valores de forma a refletir a realidade do banco de dados que vamos usar. Vá em Params e acione o editor Value List Editor. Em HostName você deverá informar o nome ou IP do servidor MySQL. Se estiver rodando localmente use apenas "localhost". Em Database informe o nome da base de dados, por exemplo, "estoque". Em User_Name informe o usuário do banco de dados. Geralmente é "root". Em Password informe a senha do banco de dados. Pressione OK.

c) Vá na propriedade LoginPrompt e altere seu valor para False. Isso evita que a tela de login seja exibida quando tentarmos efetuar a conexão. Agora vá na propriedade Connected e altere seu valor para True. Se correr tudo bem você já estará conectado ao banco de dados MySQL.

3) Agora coloque um componente TSQLDataSet no formulário e defina sua propriedade SQLConnection para o componente TSQLConnection que representa a conexão com o banco de dados. Em seguida defina o valor "ctTable" para a propriedade CommandType. Na propriedade CommandText você deverá informar o nome da tabela que será representada por este TSQLDataSet. Finalmente ajuste a propriedade Active para True.

4) O próximo passo é colocar no formulário um componente TDataSetProvider (na aba Data Access). Este componente é responsável por fazer a conexão com o conjunto de dados (dataset), extrair os dados do SQLDataSet e gerar os comandos de atualização SQL adequados. Assim, informe o valor "SQLDataSet1" para a sua propriedade DataSet.

5) Finalmente chegamos ao componente TClientDataSet. Vá na aba Data Acccess e arraste um TClientDataSet para o formulário. Em seguida informe o valor "DataSetProvider1" para sua propriedade ProviderName. Ajuste sua propriedade Active para True.

6) Hora de exibir e manipular os dados. Vá na aba Data Access e arraste um controle TDataSource para o formulário. Aponte sua propriedade DataSet para "ClientDataSet1". Agora vá na aba Data Controls e arraste um TDBGrid para o formulário. Ajuste sua propriedade DataSource para "DataSource1". Se tudo correu bem, você já verá os registros da tabela serem exibidos no DBGrid.

7) Hora de executar a aplicação. Pressione F9 e vamos ao resultado. Experimente navegar e editar os registros no DBGrid. A aplicação permitirá que você faça isso. No entanto, ao fechar a aplicação e abrí-la novamente você perceberá que as alterações não foram refletidas no banco de dados. Para que isso aconteça, coloque o código abaixo no evento Click de um botão:

procedure TForm3.Button1Click(Sender: TObject);
begin
  if (ClientDataSet1.ChangeCount > 0) then
    ClientDataSet1.ApplyUpdates(-1);
end;

Pronto. Execute a aplicação novamente e faça modificações nos dados exibidos no DBGrid (é preciso sair da linha de edição para que os dados sejam atualizados no DBGrid). Clique no botão para atualizar os dados na tabela do banco de dados. Feche a aplicação a abra-a novamente. Note que agora os dados foram atualizados com sucesso.

Esta dica foi escrita e testada no Delphi 2009.


Delphi ::: VCL - Visual Component Library ::: TStringGrid

Como centralizar os títulos das colunas (ou o conteúdo de qualquer célula) de um TStringGrid do Delphi

Quantidade de visualizações: 11308 vezes
Em algumas situações nós precisamos centralizar os títulos das colunas de um TStringGrid. Em geral os títulos das colunas são exibidos nas células da primeira linha fixa do TStringGrid. Nesta dica eu mostrarei a forma mais comum de alcançar este efeito. Note que a técnica pode ser usada para centraliar o conteúdo de qualquer célula da grid:

procedure TForm1.StringGrid1DrawCell(Sender: TObject; ACol, ARow: Integer;
  Rect: TRect; State: TGridDrawState);
var
  conteudo: String;
  alinhamento_anterior: Word;
begin
  // vamos centralizar os títulos das colunas, ou seja, o conteúdo
  // das células na primeira linha
  if ARow = 0 then
    begin
      // vamos obter o conteúdo da célula
      conteudo := (Sender as TStringGrid).Cells[ACol, ARow];

      // vamos obter o alinhamento atual
      alinhamento_anterior := SetTextAlign((Sender as TStringGrid).Canvas.Handle,
        TA_CENTER);

      // vamos colocar o conteúdo de volta na célula
      (Sender as TStringGrid).Canvas.TextRect(Rect,
        Rect.Left + (Rect.Right - Rect.Left) div 2, Rect.Top + 5, conteudo);

      // vamos voltar o alinhamento anterior para as demais células
      SetTextAlign((Sender as TStringGrid).Canvas.Handle, alinhamento_anterior);
    end;
end;

Aqui nós temos duas chamadas à função SetTextAlign() da API do Windows. Na primeira vez nós obtemos o alinhamento atual e definimos o novo alinhamento como TA_CENTER. Na segunda chamada nós voltamos o alinhamento anterior. Se não fizermos este procedimento, todas as demais células da grid terão seus conteúdos também alinhados ao centro.


Veja mais Dicas e truques de Delphi

Dicas e truques de outras linguagens

Quem Somos

Osmar J. Silva
WhatsApp +55 (062) 98553-6711

Goiânia-GO
Full Stack Developer, Professional Java Developer, PHP, C/C++, Python Programmer, wxWidgets Professional C++ Programmer, Freelance Programmer. Formado em Ciência da Computação pela UNIP (Universidade Paulista Campus Goiânia) e cursando Engenharia Elétrica pela PUC-Goiás. Possuo conhecimentos avançados de Java, Python, JavaScript, C, C++, PHP, C#, VB.NET, Delphi, Android, Perl, e várias tecnologias que envolvem o desenvolvimento web, desktop, front-end e back-end. Atuo há mais de 15 anos como programador freelancer, atendendo clientes no Brasil, Portugal, Argentina e vários outros paises.
Entre em contato comigo para, juntos, vermos em que posso contribuir para resolver ou agilizar o desenvolvimento de seus códigos.
José de Angelis
WhatsApp +55 (062) 98243-1195

Goiânia-GO
Formado em Sistemas de Informação pela Faculdade Delta, Pós graduado em Engenharia de Software (PUC MINAS), Pós graduado Marketing Digital (IGTI) com ênfase em Growth Hacking. Mais de 15 anos de experiência em programação Web. Marketing Digital focado em desempenho, desenvolvimento de estratégia competitiva, analise de concorrência, SEO, webvitals, e Adwords, Métricas de retorno. Especialista Google Certificado desde 2011 Possui domínio nas linguagens PHP, C#, JavaScript, MySQL e frameworks Laravel, jQuery, flutter. Atualmente aluno de mestrado em Ciência da Computação (UFG)
Não basta ter um site. É necessário ter um site que é localizado e converte usuários em clientes. Se sua página não faz isso, Fale comigo e vamos fazer uma analise e conseguir resultados mais satisfatórios..

Linguagens Mais Populares

1º lugar: Java
2º lugar: C#
3º lugar: PHP
4º lugar: Delphi
5º lugar: Python
6º lugar: JavaScript
7º lugar: C
8º lugar: C++
9º lugar: VB.NET
10º lugar: JSP (Java Server Pages)



© 2021 Arquivo de Códigos - Todos os direitos reservados | Versión en Español | Versão em Português